sábado, 14 de fevereiro de 2015

Botafogo vê contrato de Jobson e mais três no fim e negocia renovação




Vitor Silva / SSPress.

Liderado por Jobson, um grupo de quatro jogadores têm contrato chegando ao fim no meio do ano. O Botafogo avaliou a situação e julgou necessário renovar com todos eles. Além do atacante, a lista conta com Airton, Sassá e Sidney, que tem treinado em um grupo separado, mas faz parte dos planos da diretoria e comissão técnica. Todos os vínculos vencem em junho, mas as conversas para ampliar já se iniciaram.

A negociação mais avançada é a de Sassá. Após brilhar no Náutico e retornar de empréstimo, o atacante, que marcou nove gols na última Série B, foi o primeiro a ser procurado pela diretoria há alguns dias e já existe um acordo entre as partes. Falta apenas assinar o novo contrato, que deverá ser até o fim de 2016.

Quem também está na mira do Botafogo é Jobson. O atacante tem mostrado muita disposição e uma nova postura no dia a dia, o que foi decisivo para o Alvinegro se interessar em prolongar o contrato. Ainda em fase inicial, as conversas já se iniciaram e a tendência é que a renovação ocorra, já que o jogador também tem como objetivo permanecer em General Severiano, apesar de ter outras propostas.

Airton, por sua vez, tem contrato com o Botafogo por empréstimo. Entretanto, o Benfica, dono dos direitos econômicos até junho já decidiu que não tentará renovar, deixando o volante livre no mercado. Isso, na tese, favorece a permanência do jogador e, General Severiano, já que dependerá apenas da vontade do atleta. Atualmente ele tem o salário dividido entre Inter e Alvinegro, que vive nova realidade e não ultrapassará o teto salarial.

O caso mais curioso é o de Sidney. O volante tem contrato até junho e sequer faz parte do elenco principal neste momento. Mesmo assim, o Botafogo quer renovar o contrato, o que representa uma surpresa. Formado nas categorias de base, o jogador foi afastado no início do ano mesmo tendo tido pouquíssimas oportunidades na campanha que culminou com o rebaixamento do Alvinegro.

Bernardo Gentile
Do UOL, no Rio de Janeiro