sábado, 14 de fevereiro de 2015

Tomas usa tranquilidade para alcançar entrosamento e gol no Botafogo


Meia admite que fato de ter chegado mais tarde influencia suas atuações e espera melhor forma daqui a cinco ou seis jogos




Tomas em treino do Botafogo: tentativa de mostrar
 futebol de 2014 (Foto: Satiro Sodré/SSPress)
Embora seja um jogador que ainda busque espaço no cenário nacional, Tomas chegou ao Botafogo com status de titular. Mas apesar de ter no currículo a vice-artilharia da Série B do ano passado, com 15 gols, o meia passou em branco em suas três partidas com a camisa alvinegra – duas atuando desde o início. O jogador, entretanto, acredita que o fato de ter sido um dos últimos dos 14 nomes anunciados como reforços vem pesando em suas atuações.

- O mais importante seria eu ter feito a pré-temporada com todos. Com certeza hoje eu já estaria mais entrosado. Por enquanto vou tentando ajudar da maneira que posso, mas acho que no quinto ou sexto jogo vou estar na minha melhor condição - avaliou.

Com três partidas pelo Botafogo mas ainda sem atuar em 90 minutos em nenhuma delas, Tomas admite a ansiedade por marcar gols, algo com o qual se acostumou atuando pelo Boa Esporte no Brasileirão de 2014. Mas às vésperas da partida contra o Friburguense, na próxima quarta-feira, o meia garante concentração para iniciar sua contagem.

- Procuro ficar tranquilo. Meus companheiros têm me dado força, e tenho certeza de que o gol vai sair naturalmente. O René me dá total liberdade para chegar à frente, e quando surgir a oportunidade vou buscar o gol.

Por Gustavo Rotstein Rio de Janeiro/GE