segunda-feira, 6 de abril de 2015

Atleta que mais atuou, Renan Fonseca descarta ser poupado: “Vale título”


Único jogador a iniciar todos os jogos do Bota na temporada, zagueiro quer jogar contra o Macaé e rechaça cansaço: “Há pouco estava de férias e louco para jogar”



Renan Fonseca foi o único jogador do Botafogo a iniciar as 15 partidas oficiais do clube na temporada. O descanso, no entanto, não faz parte dos planos. Mesmo com a equipe assegurada nas semifinais do Campeonato Carioca, não passa pela cabeça do zagueiro ser poupado na quarta-feira, contra o Macaé. Afinal, está em jogo o título na Taça Guanabara.

Renan Fonseca concede coletiva nesta segunda-feira no Botafogo (Foto: Marcelo Baltar)
- De jeito nenhum (quero ser poupado). Está valendo título, pô. Se vencermos (o Macaé), e o Flamengo tropeçar, seremos campeões. Vamos com a força total. No que depender de mim, quero jogar e ajudar em campo – assegurou o defensor.

Ao longo do Campeonato Carioca, o Botafogo vem enfrentando uma série de problemas musculares. Apesar de ser o atleta que mais jogou na temporada, Renan Fonseca garante estar inteiro e não se queixa de cansaço.




- O ano está apenas começando. Foram poucos jogos ainda. Me lembro que eu estava de férias há pouco tempo e louco de saudades de jogar – brincou o defensor.

No Botafogo há três meses, Renan Fonseca vive a expectativa de conquistar o primeiro título com a camisa do clube. No entanto, ele destaca a importância de uma vitória contra o Macaé, mesmo que o caneco não venha. Afinal, o segundo colocado da fase classificação terá a vantagem de jogar por dois empates nas semifinais.

- Acho que por tudo o que aconteceu no ano passado, estamos muito felizes de termos conseguido a classificação antecipada. Ao longo do campeonato, sempre estivemos em primeiro ou segundo. O foco sempre foi classificar e conseguir o titulo. O que estiver ao nosso alcance, vamos fazer. Quarta-feira vai ser uma final para nós. Vamos buscar a vitória. O Nosso papel nós temos que fazer. Até porque o segundo colocado leva uma pequena vantagem para a semifinal.

Por Marcelo Baltar Rio de Janeiro/GE