sexta-feira, 3 de julho de 2015

Afastado há mais de um mês, Tássio aguarda definição sobre seu futuro


Atacante vem treinando com os demais atletas não aproveitados pelo Botafogo e ainda vive a expectativa de ser reintegrado pelo técnico René Simões



Afastado há mais de um mês do elenco principal do Botafogo, Tássio vem treinando diariamente no Estádio Nilton Santos com os demais atletas que não estão sendo aproveitados. Contratado em janeiro para fazer sombra a Bill, o atacante conviveu com lesões, disputou apenas seis jogos e fez um gol.

No dia 26 de maio, ele recebeu, ao lado de Murilo e André Luiz, a notícia de que estava fora dos planos da comissão técnica e passaria a treinar à parte. Com contrato até o fim do ano, o atacante reconhece que não está sendo um momento fácil de sua carreira, mas garante manter a motivação nos treinos e aguarda uma definição sobre o seu futuro.

- Não é um momento fácil de se encarar para um jogador profissional, mas estou me saindo bem. A cada dia, a cada treino, me sinto mais motivado e confiante. Estou bem física e tecnicamente e com a cabeça boa, pronto para uma nova missão na minha carreira. Tenho deixado tudo nas mãos do meu empresário e tenho certeza que boas notícias irão aparecer logo - disse Tássio.

Tássio tem contrato com o Botafogo até o fim do ano (Foto: Vitor Silva / SSPress)

Apesar de ter sido afastado, o jogador ainda acredita que possa ajudar o Botafogo dentro de campo. O centroavante, no entanto, diz que vai acatar o que for decidido pela diretoria alvinegra:

- Fiquei sabendo da saída do Bill. Uma pena para o clube, que perde um atacante de qualidade. Sou funcionário do clube e estou disposto a acatar qualquer decisão para ajudar o Botafogo.

Durante o Campeonato Carioca, o Botafogo afastou Aírton, Dankler e Henrique do elenco principal. O motivo foi o alto salário dos três, uma vez que foram contratados na antiga gestão. Os atletas, porém, foram reintegrados ao longo do estadual, principalmente por uma série de lesões ao longo da competição. Os dois primeiros já deixaram o Botafogo, enquanto Henrique segue treinado com o grupo.


Por GloboEsporte.com Rio de Janeiro/GE