sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Na contagem regressiva do título, Navarro promete cantar hino do Bota


Artilheiro do time na Segunda Divisão, atacante uruguaio curte bom momento e diz que vive a melhor fase da carreira: "Ser campeão seria um sonho"




Navarro em sua casa: sonho de ser campeão da
 Série B pelo Botafogo (Foto: Richard Souza)
Ele ainda tropeça no português. Normal para um estrangeiro que não tem nem três meses de Brasil. Mas no bê-a-bá da bola está tudo dominado. Álvaro Navarro chegou ao Botafogo desconhecido, mas desandou a fazer gols e virou o artilheiro do time na Série B. Nesta quinta-feira, ele recebeu a reportagem do GloboEsporte.com para uma conversa. Com portunhol carregado, o atacante uruguaio, que não trava no campo, falou sobre o bom momento no Alvinegro, a adaptação ao Rio de Janeiro e os planos de seguir no clube para jogar a Série A.

- Ser campeão seria um sonho. Me encantaria jogar a Primeira Divisão com o Botafogo - disse.


Aos 30 anos, mas já com muitos fios brancos na cabeça, o camisa 9 diz que vive o melhor momento da carreira. O segredo? Ele cita o carinho dos companheiros e dos torcedores.

- É o meu melhor início numa equipe, com 10 jogos e sete gols. Mas o importante é que a equipe seja campeão, que é fundamental.

Líder da Série B, o Botafogo está perto do acesso e do título. A contagem regressiva começou.

- Falta muito, mas falta pouco. Em um mês e meio se acaba tudo.

E se acabar em título, o jogador tem promessa a cumprir: vai aprender e cantar o hino do Botafogo.

Por Richard SouzaRio de Janeiro