quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Lateral Lima consegue rescisão na Justiça e é mais um a deixar o Bota


Ala-esquerdo voltou de empréstimo do Goiás, mas sequer havia se juntado ao grupo





Lima estava emprestado ao Goiás durante a última
temporada (Foto: Rosiron Rodrigues / Goiás E.C.)
O Botafogo viu mais um jogador deixar o clube pela porta dos fundos. O lateral-esquerdo Lima conseguiu na Justiça a rescisão de seu contrato com o clube na tarde desta quarta-feira, em decisão da 72ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro. Assim, ele se junta ao volante Gabriel e ao meia Daniel, que recentemente assinaram com Palmeiras e São Paulo, respectivamente.


O advogado de Lima, João Chiminazzo, calcula que a dívida do Alvinegro com seu cliente gira em torno de R$ 2 milhões, entre luvas, salários, 13º e FGTS atrasados. O jogador e seu representante entraram na Justiça em novembro do ano passado e enviaram uma notificação ao clube. Chiminazzo alega que foi procurado apenas pela atual gestão, de Carlos Eduardo Pereira, para tratar de uma possível reapresentação do lateral no início do ano. Mas que nem a antiga diretoria tampouco a nova se manifestaram a respeito do débito com o atleta.


Lima esteve emprestado ao Goiás em 2014 e retornou ao Botafogo neste ano. No entanto, o lateral sequer se juntou ao elenco que realiza pré-temporada em Niterói (RJ). Atualmente, o grupo comandado por René Simões conta com Carleto e Jean para a posição. O recém-contratado Diego Giaretta é zagueiro de origem, mas pode atuar na lateral.

Liminar que liberou Lima do Botafogo (Foto: Divulgação)

FACEBOOK
TWITTER
GOOGLE+
PINTEREST
LINK


Por Gustavo Rotstein Niterói, RJ/GE