terça-feira, 24 de março de 2015

Sem Gilberto e Carleto, técnico René Simões analisa opções para defesa alvinegra


Andreazzi e Fernandes, pela direita, e Diego Giaretta, Tomas e Jean, pela esquerda, brigam pela vaga 





Diego Giaretta (Foto: Divulgação)
Zagueiro pode ser improvisado como
lateral-esquerdo (Foto: Divulgação)
Sem poder contar com os laterais Gilberto e Carleto, na partida de quarta-feira contra o Barra Mansa, às 19h30, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, o técnico René Simões escolherá no treinamento desta terça os substitutos dos jogadores, que cumprirão suspensão pelo acúmulo de cartões amarelos. E deverá ser obrigado a improvisar na defesa.

Pelo lado direito, dois volantes brigam pela camisa 4. Os jovens Andreazzi e Fernandes foram testados recentemente em jogos-treinos por René e podem jogar. Luis Ricardo, reserva imediato da posição, recupera-se de dores musculares e dificilmente estará pronto até o jogo.

Do outro lado, o especialista da posição está em plenas condições, mas a inexperiência deve pesar na hora da escolha. Jean, promovido aos profissionais no início do ano, não é considerado maduro o suficiente para jogar. Por isso, o zagueiro Diego Giaretta e o apoiador Tomas surgem como opção.

Caso o beque seja escolhido, Roger Carvalho voltará a formar dupla de zaga com Renan Fonseca. Se o meia – que já atuou como lateral-esquerdo na carreira – herdar a camisa 6, Gegê deverá armar o time ao lado de Diego Jardel.

Após a vitória sobre a Cabofriense, no domingo, René não quis dar pistas. O técnico prefere utilizar as entrevistas coletivas pós-jogo para analisar a partida e não projetar os compromissos futuros.

– Nós temos um grupo forte. Com um bom time, ganha-se algumas partidas, mas dificilmente conquista-se um campeonato. Com um grupo forte, pode perder algumas partidas, mas dificilmente perde campeonatos. Os jogadores estão entendendo a filosofia – afirmou o técnico.

Se valerem essas palavras, quem entrar dará conta do recado.

Cartões serviram como descanso para o clássico

Mesmo dando uma dor de cabeça para o técnico René Simões, os cartões amarelos vieram em momento providencial para Gilberto e Carleto. Ao lado de Renan Fonseca, eles eram os únicos do Botafogo a disputar todos os jogos do Campeonato Carioca até aqui, e já acusavam certo desgaste.
No sábado, ambos foram poupados do último treino antes da partida contra a Cabofriense. Eles foram a campo, participaram do início do treino e saíram logo em seguida.

De acordo com o clube, Gilberto sofre com as dores na região lombar. O problema fez a comissão técnica pedir ao jogador para trocar o colchão da cama. Carleto teve uma indisposição, mas jogou mesmo assim.

OPÇÕES DE RENÉ

LATERAL DIREITA

GILBERTO - De volta ao elenco após passar a temporada de 2014 emprestado ao Internacional, Gilberto é um dos principais nomes do Botafogo na atual temporada, sempre explorando sua principal característica: os avanços ofensivos pelo lado direito.

Contudo, o jogador ainda sofre na marcação e vem trabalhando a parte defensiva. Ele tem contrato até o fim da temporada e ainda não foi procurado para renovar.

ANDREAZZI - Volante, foi um dos poucos a se salvarem do rebaixamento, com boas atuações na reta final do Brasileiro de 2014. Sofreu lesão na panturrilha direita na pré-temporada e ainda não jogou neste ano.

FERNANDES - Promovido no início do ano, foi bem na pré-temporada e brilhou no início do Carioca. Depois, caiu de produção. Meia de origem, também atua como volante, como na vitória sobre a Cabofriense.

LUIS RICARDO - Emprestado pelo São Paulo, demorou a ser liberado devido a uma pendência judicial entre Botafogo e Daniel, meia contratado pelo Tricolor Paulista. Só fez um jogo no ano e se recupera de lesão.

LATERAL ESQUERDA

CARLETO - Contratado no início da temporada, também emprestado pelo São Paulo (assim como Luis Ricardo), após ajudar o Avaí a subir para a Série A do Campeonato Brasileiro, Carleto chegou falando que gostaria de fazer história como Nilton Santos, eterno camisa 6 do Botafogo. Começou bem, com gols e assistências, mas não teve boa atuação diante da Cabofriense. Dentro de campo, é um dos jogadores que mais cobram dos companheiros.

DIEGO GIARETTA - O zagueiro foi titular nas quatro últimas rodadas, mas jogando na defesa, ao lado de Renan Fonseca. Em 2009, quando esteve no Botafogo pela primeira vez, se destacou na lateral esquerda.

TOMAS - Meia titular da equipe alvinegra, Tomas já atuou como lateral-esquerdo no início da carreira. René o testou na posição no jogo-treino contra o Minnesota United (EUA), na quarta-feira passada.

JEAN - Promovido ao elenco profissional no início do ano e com o contrato renovado, Jean sempre se destacou na base pelas bolas paradas. É considerado inexperiente pela comissão técnica, e corre por fora.


Leia mais no LANCENET!