sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Botafogo comemora saída de cartola e quer substituo com perfil oposto




Vitor Silva / SSPress


A queda de produção do Botafogo refletiu também nos bastidores do clube. Antônio Carlos Mantuano não gostou de ser cobrado e deixou o cargo de vice de futebol. O clube não fala abertamente, mas está bastante satisfeito com a decisão do cartola, que tem uma personalidade considerada difícil.

A tal personalidade, inclusive, prejudicou o Botafogo em algumas negociações. Alguns botafoguenses ilustres, liderados por Carlos Augusto Montenegro, tentavam se aproximar da diretoria para ajudar o Alvinegro no difícil momento em que o clube atravessa. Porém, a presença do cartola impedia um avanço nas conversas.

Tanto que o Botafogo agora quer um perfil totalmente diferente no próximo vice de futebol. O clube prefere alguém com uma postura mais educada e que não represente uma pedra no sapato na solução de alguns problemas.

"Tivemos alguns desentendimentos, mas o que considero normal. Ele quis sair e acho uma pena ele sair dessa maneira tão deselegante. A personalidade que ele tem atrapalha em algumas oportunidades. A diretoria está conversando para achar um substituto, mas terá um perfil completamente diferente", disse Carlos Eduardo Pereira, presidente do Botafogo ao UOL Esporte.

E a tal personalidade forte de Mantuano foi comprovada logo após ele renunciar o cargo. O cartola deixa claro sua insatisfação e acusa o presidente do clube de ter usado sua imagem para ganhar as eleições, em 2014.

"Estou cansado dessa trairagem que é a política do Botafogo. Podem escrever aí, eu nunca mais irei me candidatar ou apoiar qualquer candidato. Cansei de me decepcionar com pessoas que elegi, pois sou muito importante na vida desse clube. Me orgulho de sempre ter saído e mostrado não compactuar com certas coisas. O tempo mostrou que eu estava certo. A única coisa que falam de mim é que sou intempestivo. E sou mesmo. Quando vejo algo errado, não fico quieto e não gostam disso", afirmou Mantuano a rádio Bradesco Esporte.

Bernardo Gentile
Do UOL, no Rio de Janeiro