quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Jefferson critica postura do Botafogo dentro de casa: "Entramos apáticos"


Goleiro foi homenageado antes do jogo por ter completado 400 jogos, mas terminou a noite da última terça-feira com o gosto amargo de um empate contra o Oeste na boca







O Botafogo tem que saber jogar no Estádio Nilton Santos. Essa é a opinião de Jefferson, que completou 400 partidas pelo Alvinegro contra o Oeste, na última terça-feira. Após o jogo em que o time ficou no empate por 1 a 1 (veja os melhores momentos no vídeo acima), ele falou sobre a postura da equipe quando atua dentro de casa. O goleiro acredita que o time tem entrado em campo aquém do que deveria.


- Parece que dentro de casa vamos fazer gol a qualquer momento e entramos apáticos. Fazemos nosso melhores jogo fora de casa. Temos que entrar atentos aqui para matar no início. Precisamos saber jogar dentro do Nilton Santos - disse o goleiro.

Um bandeirão com o rosto do goleiro foi aberto antes da parida para homenageá-lo (Foto: Vitor Silva / SSPress)

O jogo teve sabor agridoce para Jefferson. Se por um lado ele celebrou a marca alcançada com a camisa alvinegra, por outro lamentou não ter saído de campo com a vitória. Renan Mota marcou para o Oeste no início do segundo tempo. O Botafogo empatou já no fim, com Roger Carvalho. Também decepcionado com a atuação da equipe, o goleiro entende as vaias da torcida.


- Fico feliz por ter completado 400 jogos. É uma marca histórica, que me deixa muito feliz. Minha meta é chegar aos 500 jogos pelo Botafogo e sei que posso chegar a muito mais. Mas a gente fica triste pelo resultado. Jogamos bem abaixo do que podemos. Os torcedores vêm para ver raça e futebol bonito, e hoje deixamos a desejar.

Jefferson ainda recebeu uma camisa e um selo comemorativo pelos 400 jogos (Foto: Vitor Silva / SSPress)

Com 49 pontos, o Botafogo continua na liderança da série B. Na sua cola estão Paysandu, com 47, e Vitória e Bahia, com 45. O próximo confronto é contra o Boa Esporte, na sexta-feira, em Varginha, Minas Gerais, 21h30 (de Brasília).

Por GloboEsporte.comRio de Janeiro/GE