terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Ricardo admite dificuldades, mas elogia o Botafogo: "Vitória merecida"


Treinador elogia Portuguesa e diz que já espera por jogo complicado em São Januário







 Se a boa atuação na estreia contra o Bangu surpreendeu, a dificuldade na suada vitória por 2 a 1 sobre a Portuguesa, nesta terça, em São Januário, já era esperada. Só não precisava ser tão sofrida, na opinião de Ricardo Gomes. Para o treinador, os dois times protagonizaram um jogo aberto, de qualidade, mas o resultado acabou sendo justo pelo maior volume de jogo do Botafogo.

- Vitória difícil pelo bom time da Portuguesa, esperávamos essa dificuldade. Quer dizer, nem tanta. No intervalo mudou esquema do jogo, ficou esperando mais, mas com mais força ofensiva. Tivemos dificuldade nessa primeira parte do segundo tempo, mas conseguimos esse gol. Vitória difícil e merecida. Melhor do que contra o Bangu, um jogo diferente, de ataque contra defesa. Hoje foi segundo tempo bem interessante, com oportunidade nossas e da Portuguesa.


Confira os principais trechos da entrevista

Jogo
Vitória difícil pelo bom time da Portuguesa, esperávamos essa dificuldade, quer dizer, nem tanta. No intervalo mudou esquema do jogo, ficou esperando mais, mas com mais força ofensiva. Tivemos dificuldade nessa primeira parte do segundo tempo, mas conseguimos esse gol. Vitória difícil e merecida. Melhor do que contra o Bangu, um jogo diferente, de ataque contra defesa. Hoje foi segundo tempo bem interessante, oportunidade nossa e da Portuguesa.


Gegê
Vou repetir o que falei sábado. Não achei o Gegê, ele chegou ao Botafogo com 12 anos, todas essas situações... Ele fez 22 anos semana passada. Ele veste a camisa, é tecnicamente bom, claro que nem tudo acontece da melhor forma. Isso aconteceu ano passado, esse ano muito bem, ganhou lugar no time, foi muito bem. Jogo que firma o Gegê como jogador do Botafogo profissional. Passou essa parte de transição, tentando chegar no profissional, nos treinos e jogos bem. Não estou dizendo que ele vai ser titular no ano, mas pelo que fez hoje merece. Não foi minha escolha, não, foi quem peneirou há 12 anos. Todo mundo errou durante 10 anos? Não é possível. Última vez que falo disso, pareço advogado. Estou defendendo a formação do Botafogo, que é muito boa. Luís Henrique, Ribamar... Vão melhorar, passo a passo.


Equilíbrio entre lado direito e esquerdo
No segundo tempo contra Bangu já foi melhor, e hoje bem equilibrado, lado esquerdo, direito... Movimentações. Não foi um grande jogo, mas um time equilibrado.
 
Ricardo Gomes (Foto: André Durão/GloboEsporte.com)

Formação com volta de Neilton

Pode ser diferente, é só o início. Neilton teve essa lesão cedo, estava montando o time. Está em fase de montagem, muito pouco tempo para definir, não tem nada definido. Duas boas vitórias, definição mais tarde. Precisa de um mês, um mês e meio para encontrar melhor forma de jogar e os melhores jogadores. Duas vitórias muito boas, mas nada definitivo.


Airton
Jogou bem. Tem treinado bem e jogou bem. Assim como fez contra o Bangu, repetiu, é reconhecimento (apoio da torcida). Só por isso.


Gringos mais base pode dar certo?

Pode dar, mas é tudo muito novo, nada de conclusões precipitadas.


Pontos a melhorar?
A posse de bola está bem resolvida pelo equilíbrio depois do primeiro jogo desequilibrado. Hoje foi bem melhor. Precisamos jogar um pouco mais rápido, mais velocidade, senão... Como foi o caso de hoje, time marcando bem, a posse de bola você não consegue adiantar. Não tem uma profundidade através de toque de bola.


Letra do Gervasio

Não entendi, mas estamos nos conhecendo. Estava numa boa situação para entrar e finalizar, seria o segundo gol, fez uma jogada... Olha, mostrou categoria, mas na hora errada.


Peso de vencer pequenos
Sempre foi assim, não vai mudar, também não acho que tem que mudar. Se eu for jogar contra Real Madrid, Barcelona, tem uma diferença importante. Para eles também. Portuguesa trabalhando desde novembro, outubro, trabalhando bem, mas tem uma diferença de investimento.


Espera gols de todos os estreantes?

Espero também (risos). Tem o Carli, o Bruno (Silva). Acho que seria ótimo. Vamos fazer todos os jogos uma estreia (risos)


Lizio
Quando chamei o Lizio e o Ribamar saiu o gol da Portuguesa. Mas ele entrou bem, jogador leve, boa movimentação... Vamos ver. Início, não esteve bem contra a Desportiva, hoje entrou bem. Entendeu o jogo, foi importante. Tive que colocar o Gervasio mais pela direita, o que não é hábito, mas teve boa movimentação.


Rafael Moura
Um jogador mais experiente é importante, mas não vou falar do Rafael. Se for falar de todos com possibilidade de chegar ao Botafogo aí não vai dar. O Luís Henrique e o Ribamar têm boas qualidades, mas é cedo para ficar com essa pressão. Prefiro um mais experiente, não sei se vai ser o Rafael, mas é uma boa.


Trinca Gegê, Lizio e Gervasio deixa time exposto?
Terminamos assim, mas isso depende da força defensiva dos dois volantes. Tem que ver se vai encaixar, é possível. Tecnicamente, como treinador, sem problema. Tem que ver como está o Airton, bem, o Lindoso está melhorando, tem o Fernandes também... Difícil responder.


Lizio e Gervasio podem jogar juntos?

Podem, claro. Devem, não é incompatível não.


Por Thiago Lima/Rio de Janeiro/GE