quinta-feira, 16 de julho de 2015

Jair Ventura assume Botafogo de forma interina pela segunda vez e 'pode ficar'


Estreia dele à beira do campo em jogos profissionais do Glorioso foi em 2010 e Antônio Lopes não descartou permanência dele caso consiga bons resultados



Jair Ventura retornou ao Botafogo neste ano
 (Foto: Satiro Sodre/SSPress)
Sem René Simões e seus auxiliares, a função de comandar o Botafogo diante do Náutico, sábado, às 16h30, no Nilton Santos, caiu no colo do auxiliar e observador técnico Jair Ventura. E, de acordo com o gerente de futebol, Antônio Lopes, ele poderá até mesmo permanecer no cargo, caso consiga bons resultados.

- O Jair foi designado para dirigir a equipe no próximo jogo e, logicamente, até a chegada de outro treinador. Mas quem sabe? Dependendo, pode ser que ele consiga bons resultados. Por enquanto, o Jair fica como o responsável da direção técnica da equipe - disse o dirigente.

Esta não será a primeira vez que o filho do ídolo Jairzinho ficará à beira do campo numa partida dos profissionais. Ele comandou o time no Carioca de 2010, na vitória por 2 a 1 sobre o Tigres, em São Januário. Na ocasião, Joel Santana assistiu ao jogo das tribunas do estádio. Papai Joel assumiu o time e levou o Alvinegro ao título estadual daquele ano, com a famosa cavadinha do uruguaio Loco Abreu.

Ele também já foi técnico da equipe sub-20 do Glorioso. Jair foi demitido no fim de 2013, após seis anos trabalhando no clube, como treinador das categorias de base, além de ser auxiliar de Oswaldo de Oliveira. Ele retornou no início deste ano, para trabalhar com René Simões.


Luiz Gustavo Moreira -no LANCENET!