terça-feira, 4 de agosto de 2015

Gomes vê reservas do Bota vencerem Duque de Caxias em jogo-treino


Há menos de uma semana no clube, treinador aproveita atividade para observar elenco alvinegro. Lulinha sofre entorse no tornozelo e será examinado nesta quarta




Há menos de uma semana no comando do Botafogo, Ricardo Gomes teve, na tarde desta terça-feira, a oportunidade de observar mais de perto o elenco que tem em mãos. Em jogo-treino no Estádio Nilton Santos, sem a presença dos titulares, o Alvinegro venceu por 2 a 0 o Duque de Caxias, que disputa a Série D do Campeonato Brasileiro. Tomas Bastos e Allyson marcaram os gols do jogo. O primeiro ainda não teve chances desde a saída de René Simões.


Ricardo Gomes assiste ao jogo-treino contra o Duque de Caxias (Foto: Marcelo Baltar)

O time foi diferente, mas os problemas, parecidos. Assim como a equipe principal, que marcou apenas dois gols nos últimos sete jogos, a equipe reserva encontrou dificuldades para criar, mas chegou à vitória em cobrança de falta da entrada da área de Tomas Bastos. De positivo, a boa movimentação do atacante Álvaro Navarro. Apesar de não finalizar a gol, o uruguaio fez bem o papel de pivô, teve participação importante nos principais ataques alvinegros e mostrou que sabe sair da área para buscar o jogo.


O Botafogo disputou a atividade com Renan (Hélton Leite), Emerson, Roger Carvalho, Alisson, Pedro Rosa; Serginho (Bazallo), Rodrigo Lindoso (Camacho), Daniel Carvalho (Fernandes), Gegê (Tomas Bastos); Lulinha (Vinícius Tanque) e Álvaro Navarro (ChangBao).

Lulinha saiu de campo mancando
(Foto: Marcelo Baltar)
O jogo-treino foi proveitoso para alguns jogadores, mas nem todos tem o que comemorar. Lulinha, por exemplo, levou uma pior em dividida e deixou a partida mancando. Ele sofreu uma entorse no tornozelo esquerdo e iniciou tratamento com gelo no tornozelo logo após deixar a atividade. Ele será examinado nesta quarta-feira.


Ricardo Gomes acompanhou todo o treino do banco de reservas. À beira do gramado, que passava instruções para a equipe era o auxiliar Jair Ventura. Pela manhã, Ricardo comandou uma atividade com os jogadores que iniciaram a partida contra o Luverdense, além de Neilton. O foco foram as finalizações. Com o elenco completo, o time volta a treinar na tarde desta quarta-feira.

Por Marcelo Baltar Rio de Janeiro/GE