terça-feira, 4 de agosto de 2015

Cidinho, Andreazzi e Jeferson Paulista são afastados do elenco do Botafogo


Além deles, goleiro Milton Raphael e volante Sidney passam a treinar no grupo 2 com os demais atletas que estão fora dos planos do clube para a disputa da Série B




Após conviver com problemas médicos,
 Cidinho fica fora do elenco alvinegro
 (Foto: Vitor Silva / SSPress)
A semana do Botafogo começou agitada. Nesta segunda-feira, o clube afastou cinco jogadores de seu elenco principal. Após o treino, no Estádio Nilton Santos, Cidinho, Jeferson Paulista, Andreazzi, Milton Raphael e Sidney foram comunicados que não estão mais nos planos e passarão a integrar o grupo 2 com os demais atletas que não estão sendo aproveitados.

O gerente de futebol Antônio Lopes foi o responsável por comunicar aos jogadores sobre o afastamento. Segundo o dirigente, a decisão foi tomada em conjunto com a comissão técnica e se deu devido à grande quantidade de jogadores no elenco principal.


Curiosamente, os cinco jogadores afastados são crias da base alvinegra. Recentemente, a diretoria do Botafogo apontou a falta de espaço para os jovens como um dos motivos pela demissão de René Simões.

Joia da base do Botafogo e xodó de Seedorf no período em que o holandês esteve no clube, Cidinho, 22, está há mais de dois anos envolvido com lesões. Em fase de transição e próximo do retorno aos gramados, o meia esteve em campo apenas uma vez na temporada, na vitória por 3 a 0 sobre o Capivariano, pela Copa do Brasil. Por estar se recuperando de lesão, o meia ainda pode participar de alguns treinos com o elenco principal, mas não está mais nos planos. 

Andreazzi é mais um que passa a treinar separado (Foto: Vitor Silva / SSpress)

O meia Jeferson Paulista, de 23 anos, é outro que não conseguiu espaço nesta temporada. Emprestado ao Rio Claro para a disputa do Campeonato Paulista, ele retornou a General Severiano no início da Série B, mas sequer entrou em campo. Jeferson foi relacionado para os jogos contra Figueirense e Náutico, mas não deixou o banco. O curioso é que, há algumas semanas, o Botafogo recusou proposta da Portuguesa pelo armador, que tem contrato com o clube até o fim do ano.

Outro caso que chama a atenção é o de Andreazzi. O volante, de 21 anos, teve parte de seus direitos econômicos adquiridos pelo Botafogo no início do ano. Em fase final de recuperação de uma lesão no joelho, ele tem contrato com o clube até o fim de 2017.

Sem chances no Alvinegro, Jeferson Paulista é outro a não ser aproveitado (Foto: Satiro Sodré / SS Press)


Por Gustavo Rotstein e Marcelo Baltar Rio de Janeiro/GE